JB Xavier

Uma viagem ao mundo mágico das artes!  A journey into the magical world of  the arts!

Textos

fakeFCKRemove
- Leia todos os poemas do autor , clicando no link abaixo.
Read all JB Xavier's poems. Click HERE.
___________________________________________________
fakeFCKRemove
RENÚNCIA
JB Xavier


 
Talvez uma renúncia me console,
Nos silêncios aos quais reduzi a minha vida...
Talvez o aceno que ficou apenas na intenção
Seja a mensagem mais dolorida
Neste ato de renuncia à própria vida
Que poderia te enviar meu coração...
 
Talvez na palavra que morreu antes de nascer,
Ou nos arroubos súbitos de uma intenção irrevelada
Esteja a última mensagem de uma alma em agonia...
Talvez o raiar de um novo dia
Em auroras apenas imaginadas, possa devolver a luz
Que não fluiu das promessas não cumpridas...
 
Talvez o suspiro que conteve a lágrima que não rolou,
Ou o gesto de carinho contido que não se desprendeu
Traga um amor que não teve coragem de se oferecer...
E ficou à distância, como tímida criança, a ver
As grandes intenções não concretizadas -
Areia nos caminhos da vida, sem marcas nem pegadas...
 
Talvez a mão que ficou imóvel, sem ser estendida,
Traga eloqüência no gesto contido,
Ou o beijo que não foi trocado
Traga marcas do que poderia ter sido...
Talvez a flor que não foi colhida
Traga em si um novo significado para a palavra “Vida!”
 
Talvez no refluir das cascatas de intenções, o amor
Tenha ficado prisioneiro de tantas convenções,
À procura de uma fresta por onde pudesse te acompanhar
No mundo vibrante desse universo exterior
Por onde seguiste sem tentar compreender minha mudez!
Mas em silêncio eu sempre te beijei, te acariciei, te amei
Desde que te vi pela primeira vez! 

* * *

RESIGNATION
JB Xavier


Maybe a waiver to comfort me,
In the silence which I reduced my life...
Perhaps the wave kept only an intention
and became in the more painful message
In this act of resignation to one's life
That could send you my heart...

Perhaps in the word that died before birth,
Or in sudden bursts of an unrevealed intention
Is the last message of a soul in agony...
Perhaps the dawning of a new day
In auroras only imagined, can return to light
Not flowed from the broken promises ...

Perhaps the sigh that contained the tear that did not happen,
Or the gesture of affection that not unfastened
Bring a love that did not dared to offer itself...
And stood at a distance, as shy child, just seeing  
The broad intentions do not materialized -
Sand in the ways of life, without marks or footprints...

Perhaps the hand that remained motionless, without a handshake,
Bring eloquence inside the contained gesture,
Or the kiss that has not changed
Bring marks about everything that could have been...
Maybe the flower that was not harvested
Bring a new meaning to for the word "Life!"

Maybe in the ebb of the cascades of intentions, love
Has become a prisoner of so many conventions,
Looking for a crack through which it could follow you
In the vibrant world of this outside universe
Where you go without trying to understand my muteness!
But in silence I ever kissed you, hugged you, loved you
Since the first time I saw you

 
* * *



JB Xavier
Enviado por JB Xavier em 25/02/2011
Alterado em 25/02/2011


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras